ANIVERSARIANTES DO MÊS

ANIVERSARIANTES DO MÊS

Tradutor - Translator - Traduttore - Traductor - Traducteur - Übersetzer - переводчик - 翻译 - 翻訳者

UM POUCO DE PAZ POR UM BEIJO

          Quando regressou a Assis continuou a frequentar os lugares ermos que rodeavam a cidade. Continuava a pensar tenazmente, confuso, sobre o que ele já não apreciava, sobre as coisas de antes e sobre aquilo que aspirava: fazer-se como um pobre. Não sabia se o que lhe faltava era clareza sobre o que fazer ou decisão para realizá-lo.
          O certo é que rejeitava cada vez  com mais força a obsessão capitalista de seu pai, as desigualdades sociais de sua cidade, a opressão econômica que exerciam os burgueses, a miséria dos pobres, o escândalo de muitos monjes e sacerdotes opulentos e o luxo desnecessário que observou na côrte pontifícia.
          Mergulhado em seus pensamentos, nem escutou a campainha de um leproso que, subitamente, surgiu diante de si no caminho. Ao ver aquele rosto disforme, de carnes purulentas e hediondas, que apenas com os tocos que lhe sobravam das mãos lhe pedia uma esmola, comoveram-se suas entranhas e setiu repugnância e raiva a um só tempo. Deus meia volta com seu cavalo e quis fugir a todo galope. Porém, de repente, uma luz interior iluminou sua covardia. E sem dar-se tempo a censuras, desceu do cavalo, caminhou até o leproso que se deteve atônito, entregou-lhe sua bolsa cheia de moedas e, como se fosse atraído por um ímã misterioso, estreitou-o contra seu peito e deixou-lhe na face o calor de um beijo.
          Naquela tarde havia arrebóis no céu da Úmbria. Francisco sentia-se feliz. Havia triunfado. "O que antes lhe parecia amargo e repugnante, converteu-se-lhe em doçura da alma e corpo". De volta a Assis, o caminho pareceu-lhe mais curto do que nunca.


PARA REFLETIR

18. Descobres alguma relação entre a crítica que Francisco começou a fazer à sociedade de seu tempo e o encontro com o leproso? Descreve-a.

      Quem são os leprosos da sociedade de hoje? A que se deve que haja tantos destes leprosos?

Nenhum comentário:

VISITANTES

QUEM SOMOS?

Com certeza você já ouviu falar de nós. SOMOS OS FRANCISCANOS, os irmãos menores. Com estas três palavras quase que lhe dissemos tudo: somos seguidores de Jesus Cristo ao modo de São Francisco de Assis; procuramos ser irmãos de todos, homens e mulheres, crianças e adultos, plantas e animais; e, além disso, com humildade, alegria e com poucas coisas materiais. Outra coisa que lhe convém saber, é que nós, franciscanos, trabalhamos nas mais variadas áreas, conforme as competências e formação de cada um e as necessidades da Ordem, da Igreja e do povo de Deus no mundo. Procuramos ser peregrinos e forasteiros, pacíficos e humildes, e assim vamos pelo mundo sem nada de próprio, trabalhando com fidelidade e devoção, conforme nos exigem as realidades e necessidades do nosso tempo. Seguindo os passos de Cristo pobre, humilde e crucificado, que reuniu os discípulos em torno de si e lhes lavou os pés.

Nós, frades menores, vivemos em fraternidade, no serviço e no dom recíproco. Queremos continuar anunciando a mensagem de Paz e Bem ao mundo na simplicidade e união fraterna.

Tem um lugar para você aqui também!

Conhecer não te compromete!

Acertar te realiza!

DEIXE AQUI O SEU E-MAIL PARA RECEBER NOTÍCIAS

Ocorreu um erro neste gadget

Seguidores